Peugeot lança o Novo 208

Modelo estreia no Brasil a mais recente assinatura visual da Marca: Design agressivo e tecnologia para brigar no mercado dos hatches

fotos: divulgação – Após anos sem novidade no país a Peugeot surpreende com o lançamento no mercado nacional do Novo 208. Fabricado no Centro de Produção de Palomar, na Argentina, na plataforma CMP (Common Modular Platform), o modelo tem no design um de seus pontos mais fortes, que o diferenciam frente à concorrência, com um design que inaugura a nova identidade mundial da marca no Brasil. A carroceria ficou mais longa, mais larga e mais baixa que a do antecessor, apresentando as seguintes dimensões: 4.055 mm de comprimento, 1.738 mm de largura, 1.453 mm de altura e entre-eixos de 2.538 mm. O Novo 208 parte de R$74.990 e vai a R$94.990, na versão Griffe. O valor da versão com motor elétrico – 208 e-GT – não foi divulgado, mas deve bater nos R$145.000.

PEUGEOT i-Cockpit 3D®: Exclusividade e ineditismo

Batizada como PEUGEOT i-Cockpit 3D®, a evolução do conceito patenteado pela Marca amplia as sensações e o prazer de dirigir ao adicionar o primeiro cluster em três dimensões à sua bem-sucedida receita, complementada pelo volante Sport Drive, de dimensões reduzidas e base achatada, painel de instrumentos elevado, central multimídia touchscreen de 7 polegadas com Google Android Auto e Apple CarPlay, e a série de teclas de “alternância”, que permitem acesso direto às principais funções do veículo.

O novo cluster dispõe de tecnologia holográfica em 3D, para que algumas informações sobre a condução do veículo sejam projetadas em destaque, mais à frente do visor principal. Há ainda a possibilidade de criar e salvar dois modos de visualização, o que permite a personalização do painel àqueles que fazem uso compartilhado do carro.

Primeiro Hatch Compacto do país com motor Flex ou elétrico

O modelo será o primeiro hatch do segmento no país em que o consumidor poderá escolher entre motorização 1.6 16V Flex com transmissão automática sequencial de 6 marchas e 118cv de potência ou esportivo, 100% elétrico. São quatro versões de acabamento: Active, Active Pack, Allure e Griffe, disponíveis nas cores Branco Banquise (sólida), Branco Nacré (perolizada) e nas metálicas Cinza Aluminium, Preto Perla Nera e Azul Quasar. Já a pintura amarela será usada exclusivamente pelo elétrico e-GT… e 3 anos de garantia sem limite de quilometragem e revisões com preços fixos.

O pacote de revisões com preços fixos sai por R$ 397, R$ 818, R$ 397, R$ 818, R$ 664 e R$ 818 nas seis primeiras revisões….

PEUGEOT 208 e-GT: Movido a eletricidade

100% elétrico! O Novo PEUGEOT 208 e-GT faz de 0 a 100km/h em apenas 8,3 segundos, tem motor com 260 Nm de torque imediatos e 136 cavalos de potência (100 kW).

Há três modos de condução disponíveis. O modo “eco” tem como foco a otimização da autonomia; já o “drive” é indicado para garantir o conforto ideal nos deslocamentos do dia a dia, enquanto o “sport” prioriza o desempenho, utilizando-se da potência e torque máximos.

O modelo também oferece dois modos de frenagem distintos, selecionados por meio da alavanca de câmbio e com tipologias de regeneração de bateria adaptadas: “moderado”, para sensações semelhantes às de um veículo a combustão, e “aumentado”, para uma desaceleração controlada pelo pedal do acelerador.

As baterias, com volume de 220 l, encontram-se debaixo do piso do veículo. O veículo pode ser carregado em tomadas convencionais do tipo residenciais ou carregadores rápidos, como os encontrados em estações de recarga. Dependendo no nível de carga e do carregador utilizado, é possível carregar 80% da bateria em 30 minutos.

Para rodar com plena segurança no Brasil, o time local de Engenharia da Marca aplicou um pacote de alterações com reforços específicos para as nossas condições topográficas, climáticas e, principalmente, de pavimentação. O pacote inclui a aplicação de chapas metálicas de proteção em toda a região do assoalho e também na área abaixo do cofre. As bandejas de suspensão também ganharam reforços. Os pneus do Novo PEUGEOT 208 e-GT seguem com as mesmas medidas, mas passam a ser do tipo Classe C, mais reforçados.