Terminal Satélite Íris será fechado para obras a partir de segunda, 4

Por 30 dias, usuários de 14 linhas serão impactados e serão atendidos em pontos provisórios. Obras incluem ajustes no piso

fotos: divulgação – A partir da próxima segunda-feira, 4 de abril, o Terminal Satélite Íris será fechado para a realização de obras complementares. O terminal fica na Avenida John Boyd Dunlop (JBD) e integra o Corredor BRT Campo Grande. A previsão inicial é que as obras se estendam por cerca de 30 dias.  

Quatorze linhas que realizam parada no terminal atenderão aos usuários em pontos provisórios alocados nas marginais da Avenida JBD.  

As obras consistem em reparos no pavimento rígido no interior do terminal e nas faixas exclusivas que dão acesso à estrutura. Os trabalhos demandam a retirada e recolocação das placas de concreto.  

No entorno do terminal, os ônibus irão utilizar as faixas dedicadas ao tráfego comum, nos dois sentidos de circulação. Prossegue liberado o retorno em frente ao Terminal Satélite Íris, que fica no sentido bairro-Centro da Avenida JBD; e é utilizado pelos ônibus e veículos do tráfego comum.  

Os trabalhos complementares serão realizados pela empresa Construcap – CCPS Engenharia e Comércio, sem custos adicionais para o município. A estrutura integra o Lote 2, Trecho 3 da implantação do BRT campineiro.  

Terminal Satélite Íris: As obras consistem em reparos no pavimento rígido no interior do terminal e nas faixas exclusivas que dão acesso à estrutura.
Terminal Satélite Íris – Linhas impactadas 

O fechamento do terminal impactará a circulação das linhas 123, 205, 210, 211, 212, 213, 221, 222, 223, 224, 225, 228, 229 e 231. As linhas que somente acessam o retorno do Terminal BRT Satélite Íris não serão impactadas. 

Para atender aos usuários durante o período de duração das obras, a Emdec instalará dois pontos provisórios (um por sentido) nas marginais da Avenida JBD (ruas Quarenta e Cinco / Tom de Araújo).

No sentido bairro-Centro, os usuários poderão embarcar e desembarcar em ponto instalado na altura da Rua Olivaldo Roncolatto, próximo à escola de futebol.

No sentido Centro-bairro a parada provisória será implantada na marginal oposta da avenida, na altura do acesso utilizado pelos ônibus. Os usuários também poderão utilizar os pontos já existentes nas proximidades do terminal.  

Para orientar os usuários, a Emdec instalará faixas informativas nas entradas do terminal. Nos primeiros dias após o fechamento, agentes da Mobilidade Urbana irão orientar os usuários sobre as paradas provisórias e avaliar os impactos na operação. Os pontos provisórios são móveis e podem sofrer alterações, caso seja identificada a necessidade.  

Obras no corredor exclusivo  

Paralelamente aos trabalhos no interior do terminal, prosseguem as obras ao longo da faixa exclusiva do Corredor BRT Campo Grande, que incluem reparos no pavimento de concreto e serviços complementares nas estações. Realizada em etapas, essa frente de trabalho já foi finalizada no trecho entre as estações BRT Aurélia e Garcia; e agora avança para o trecho entre a Avenida Transamazônica e a Estação BRT Londres.  

Essa etapa vem causando interdições em trechos pontuais do corredor exclusivo. Os ônibus são temporariamente desviados para as faixas destinadas ao tráfego comum (pavimento asfáltico). Não há impactos na circulação dos demais veículos.  

Assista os vídeos com o trajeto completo do BRT Ouro Verde e BRT Campo Grande

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.