Campo Grande tem fiscalização no comércio

Foto: Alle Barbi/PMC – O Distrito do Campo Grande recebeu na tarde de ontem, uma operação para fiscalização do comércio da região para verificar o cumprimento das normas do plano de “Volta Responsável” na cidade. A operação teve como objetivo verificar se os comerciantes da região estão obedecendo o horário para o funcionamento permitido por decreto municipal, que é o das 12h às 16h, como também se estão cumprindo as medidas sanitárias para conter o avanço do novo coronavírus.

As equipes foram a 88 estabelecimentos comerciais, sendo que 45 receberam orientações, 19 foram fechados e 24 intimados.

Os 45 estabelecimentos foram orientados a adotarem as medidas de higiene e de distanciamento social, exigir o uso de máscaras, disponibilizar álcool em gel como também obterem a Declaração de Estabelecimento Responsável.

Dezenove estabelecimentos foram fechados porque ou excederam o horário após às 16h ou porque não podiam abrir por não serem permitidos nesta fase do plano de “Volta Responsável” de Campinas. “Os proprietários foram orientados a fechar, o que foi atendido prontamente”, disse o comandante da Guarda Municipal, Márcio Frizarin.

Os estabelecimentos intimados pelos fiscais da Seplurb foram por conta de problemas no alvará, como falta dele ou com data vencida. Esses estabelecimentos terão cinco dias para regularizar a situação.