Aulas presenciais recomeçam em agosto em SP

Educação básica terá aulas presenciais sem limite máximo de alunos

foto: OuroVerdeMais – O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (7) a retomada das aulas presenciais no ensino superior de instituições públicas e privadas. O decreto foi publicado no Diário Oficial de hoje. Até então, apenas cursos específicos relacionados à área da saúde estavam autorizados a ter aulas presencialmente.

A partir do dia 1º de agosto, as escolas de educação básica podem voltar com as aulas presenciais, sem limite máximo de aluno. Cada escola vai decidir a quantidade de alunos permitida, desde que seja mantido um distanciamento mínimo de um metro entre eles.

Atualmente, por causa da pandemia do novo coronavírus, as aulas presenciais no estado de São Paulo são permitidas com capacidade máxima de 35% no número de alunos e limite mínimo de 1,5 metro de distância entre eles.

Universidades e ensino técnico

A partir de 2 de agosto, as aulas presenciais nas escolas de ensino técnico e de ensino superior poderão ser retomadas no estado de São Paulo. O anúncio foi feito hoje (7) pelo governo do estado.

No caso das instituições de ensino superior, o limite de capacidade permitido será de até 60% do total de alunos. Para as instituições de ensino técnico de nível médio, como as Escolas Técnicas Estaduais (Etecs), não haverá limite de ocupação.

Além disso, atividades práticas, laboratoriais e estágios de cursos superiores em todas as áreas também poderão ocorrer presencialmente, sem limite de ocupação. Já os cursos de medicina, saúde pública, saúde coletiva e  medicina veterinária poderão funcionar de forma presencial.

A retomada das aulas presenciais no ensino básico ou superior devem sempre respeitar os protocolos sanitários do setor da educação.