Empregos formais na RMC crescem 139,86% em abril

Em Campinas, a evolução foi de 974,88% frente a 2021

fotos: divulgação – A Região Metropolitana de Campinas – RMC – gerou 5.344 postos de trabalho em abril deste ano, o que representa 139,86% a mais do que as 2.228 vagas geradas em abril de 2021. A Indústria foi o setor que mais cresceu (772,97%), seguida do Comércio (501,73%), dos Serviços (70,93%) e da Agropecuária (20,54%). A Construção Civil apresentou queda de 38,81%, passando de 525 postos, em 2021, para 316, em 2022. Os números são do Novo Caged, avaliados pelo departamento de Economia da Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC).

Na comparação com março de 2022, somente os Serviços registraram queda em abril (36,27%), totalizando 2.499 vagas geradas, contra 3.921 em abril de 2021. No acumulado do ano (janeiro a abril), computadas todas as atividades econômicas, a geração de empregos formais cresceu 14,47% na RMC.

Campinas
Em Campinas, foram gerados 2.182 postos de trabalho, em abril de 2022

O salário médio de admissão, em abril de 2022, na RMC, foi de R$ 1.906,54, um acréscimo de 0,79% sobre o salário do mês anterior. “A qualificação do emprego continua abaixo das especificações e necessidades da mão de obra procurada. Para os próximos meses, a perspectiva é de indefinições quanto a uma maior expansão da mão de obra, frente ao impacto belicoso entre Rússia e Ucrânia, pois já mostra uma tendência de queda na geração de postos de trabalho na nossa região e no País”, esclarece o economista e diretor da ACIC, Laerte Martins.

Campinas

Em Campinas, foram gerados 2.182 postos de trabalho, em abril de 2022, o que representa 974,88% acima dos 203 postos gerados no mesmo período do ano passado. “Avaliando os números no acumulado do ano de 2022 (janeiro a abril), constata-se uma redução de 4,69% na geração de postos de trabalho frente ao mesmo período de 2021, em Campinas”, explica Laerte Martins.

RMC – Admissões e desligamentos
RMC
RMC é uma das regiões do Brasil onde se mais criou postos de trabalhos com carteira assinada

As cidades da RMC que mais admitiram em abril foram: Campinas (18.195), Indaiatuba (4.154), Americana (3.447), Sumaré (2.672), Santa Bárbara D’Oeste (2.513) e Hortolândia (2.158). Já em número de desligamentos, os maiores registros foram em Campinas (16.013), Indaiatuba (3.793), Americana (3.124), Santa Bárbara D’Oeste (2.208) e Sumaré (2.139).

Nível nacional

Em nível nacional, segundo o Novo CAGED, o Emprego Formal com Carteira Assinada, em abril de 2022, apresentou um saldo positivo de 196.966 postos de trabalho, decorrente de 1.854.557 admissões e de 1.657.591 demissões. Os Serviços foram os que mais contrataram, 117.007, o equivalente a 103,10% sobre os 57.610 de abril de 2021. A Agropecuária recuou de 11.093, em abril do ano passado, para -1.021, o que representa 90,8% a menos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.