Bosque Interativo tem última edição de 2021 neste fim de semana

Visitantes terão a oportunidade de pegar em animais vivos e empalhados e de conhecer seus hábitos de alimentação e reprodução

fotos: Eduardo Lopes – O Bosque dos Jequitibás promove mais uma edição do Bosque Interativo neste sábado e domingo, 27 e 28 de novembro, das 9h às 16h, na praça próxima ao chafariz. Esta será a última edição do ano do projeto, cuja retomada está programada para janeiro de 2022.

O Bosque Interativo reúne diversas atividades de educação ambiental, com destaque para a oportunidade do público interagir com alguns animais silvestres que vivem no local. O evento é gratuito, aberto a pessoas de todas as idades e não é preciso fazer inscrição.

Os visitantes podem ver de perto, e até tocar, animais vivos, os conservados na Casa dos Animais Interessantes e aqueles que estão em recuperação no Setor Veterinário. Também terá contato com animais e peças taxidermizados (mortos, empalhados e preservados), disponíveis no acervo do Museu de História Natural, todos do Bosque dos Jequitibás.

Os visitantes podem ver de perto, e até tocar, animais vivos, os conservados na Casa dos Animais Interessantes

De acordo com o veterinário do Bosque, Douglas Presotto, o objetivo do projeto é propiciar interação entre os visitantes e os animais silvestres, por meio de exposição de peças e de animais vivos, como serpente, jiboia, ouriço-cacheiro, coruja e cateto, a famosa Matilde. “A interatividade propicia aos visitantes uma experiência cognitiva e sensorial”, diz o veterinário.

Profissionais de veterinária, biologia e outros ficam à disposição dos visitantes com os animais vivos, para que sejam tocados, e explicam a importância da preservação da fauna e da flora e do respeito ao meio ambiente.

O evento é realizado pelas equipes do Bosque dos Jequitibás, da Secretaria de Serviços Públicos; do complexo de museus, que inclui o Museu de História Natural, o Aquário Municipal e a Casa dos Animais Interessantes, da Secretaria de Cultura e Turismo; da Unidade de Vigilância de Zoonoses, da Secretaria de Saúde; do Laboratório de Mamíferos, da Unicamp; e do Instituto de Zootecnia, de Nova Odessa.

Profissionais de veterinária, biologia e outros ficam à disposição dos visitantes
Bosque Interativo – Parceiros em resgate e cuidados

O Bosque dos Jequitibás desenvolve um trabalho fundamental na área de educação ambiental, em parceria com escolas e instituições, e com os visitantes do parque.

Trabalha em conjunto, ainda, com a Polícia Ambiental e os Bombeiros, ao acolher e cuidar de animais silvestres que tenham sido resgatados, vítimas de acidentes ou maus-tratos. Esses animais são tratados para que sejam reabilitados e possam retornar à natureza ou encontrar uma moradia adequada.

O Bosque dos Jequitibás fica na Rua Coronel Quirino, 2, Bosque. É aberto ao público de terça-feira a domingo, das 6h às 18h. A entrada é gratuita.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.